Sobcerco e Evil Motor – Beco Beer – 12/01/2019
Portal Tatu®

Sobcerco e Evil Motor – Beco Beer – 12/01/2019

E a noite foi de rock pesado no sabadão do Beco Beer. O melhor irish pub da região vem arrebentando no popular karaokê ou em eventuais sertanejos e sambões para a galera, mas o rock é a raiz do Beco e ele jamais será abandonado. E dessa vez foi peso, rapaziada. Desde o estilo stoner e grunge do Evil Motor, veterana banda da cidade com disco lançado, videoclipe veiculado “nas antigas” na MTV… Até o hardcore contundente do Sobcerco. E tudo isso com casa cheia. O que é uma maravilha para quem vem batalhando na cena há uma cara. Como nós. A galera do grupo Rock Terê Forte do Facebook compareceu bonito e engrossou o coro. “Bota peso que a gente bota a cara!”
 
Motor maldito
 
A abertura foi com a velha de guerra Evil Motor, que começou arregaçando com o seu stoner violento, na base da Gibson SG de Rogério “Gegê” Rodrigues, que junto de Alex Mouzinho (vocal) são membros originais da banda. Alex inclusive mandou super bem, com uma performance acima da média e a escolha dos covers como Deftones e Soundgarden que foram fodas. Emocionante, no final, o antigo sucesso “Mr. Insane”, que deixou a galera literalmente insana, pogando e cantando junto de Mouzinho. Cem palavras. 
 
Indignação hardcore
 
A noite teve o fechamento da banda Sobcerco de Fábio Vargas, lendário vocalista da thrash old school, orgulho de Teresópolis, finada Sardonic e o seu filho Juan Vargas, guitarrista que vem crescendo demais, tanto em estatura quanto em monstruosidade no seu instrumento. Fábio, coerente sempre, sentou a porrada no recém eleito Presidente da República Jair Bolsonaro em discursos inflamados, que agitaram a galera. Na parte musical, claro, foi mais porrada ainda. Quem é de hardcore ficou de boca aberta. Mandaram um som atonal pra galera abrir a rodinha, fazer stage diving e oscarai. E foi bom demais. As músicas, as performances – Destaque pro novo baixista da banda Paulo “Jason” Cellos, velho conhecido da galera, que arrebentou, tanto quanto o seu colega de “cozinha” Gustavo Boletta com o seu kit de bateria minúsculo que fez uma barulheira dos diabos! Resumindo: Foi foda. Saca as fotos desta noite histórica aqui, ó! 
 

Comente!

Fechar Menu