Quer dançar? Do ballet à música flamenca a Dançarte tem os professores mais capacitados
Portal Tatu®

No mês passado destacamos os 25 anos desta companhia maravilhosa que é um orgulho para Teresópolis. A Cia. de Dança Dançarte da querida Hebe Otto e da sua pupila Kelly Nogueira. Suas instalações na Casa de Portugal bem no coração da cidade de Teresópolis dão gosto. Tudo muito bonito, bem cuidado, espaçoso com estilo e personalidade. Para uma escola com ¼ de século de vida, mostra-se moderna e atualizada, com a adição de profissionais do mais alto gabarito para sempre melhorar, progredir, avançar. Hoje vamos destacar dois profissionais que dedicam 100% de suas vidas a esta arte e ensinam na Dançarte.

Ballet com dedicação máxima

Acompanhar uma aula do professor Toni Couto é uma experiência. Entender a dedicação que ele que dá aos alunos é algo realmente emocionante. Formado pela Escola de Danças do Teatro Municipal e também na Faculdade da Cidade e lecionando há trinta anos, o professor é top: “Hoje eu tenho alunos que buscam a estética, postura e até aqueles que tem problemas de tornozelo, joelho, quadril, essa parte médica que indica o ballet para ajudar na cura”, explica Toni, para depois completar: “O ballet hoje em dia é para qualquer idade. Foi-se aquela época de que era apenas para criança. Temos até uma turma de senhoras que conseguem alcançar êxito aqui, melhorando a parte física, a parte da respiração, postura… São senhoras, crianças, adultas começando, outras voltando a praticar. Por isso essas turmas maravilhosas aqui na Dançarte.”, completa.

Dança Flamenca com Victoria Nuñez

Eu já conhecia o trabalho da professora Victoria Nuñez e as suas pupilas das apresentações no Gatto Macchiato. E ao visitar a sua aula, percebi que Cia. de Dança Dançarte é o local ideal pra elas. Espaço, conforto… As meninas soltam o Olé!

Com 35 anos dedicados à dança flamenca, Victoria tem no currículo ainda a Dança Moderna, Jazz e o Ballet Clássico. A professora (também formada em Educação Física) foi buscar na fonte. Morou em Madrid por quatro anos, estudando em uma das mais importantes escolas do mundo. O Centro de Arte Flamenco y Danza Española Amor de Dios. “Temos as turmas Iniciantes 1 e 2, além da Intermediário, terças e quintas, à tarde e à noite, além dos sábados”, informa a professora para depois falar um pouco das potencialidades desenvolvidas pela dança flamenca. “São muitas (risos). Desde o condicionamento físico, a postura, coordenação motora, ritmo, musicalidade e até a parte psicológica, já que aumenta a auto estima, por causa dessa postura altiva, o amor próprio e o convívio social, né? Fazer amizades, afinal, somos muito amigas”, completa a professora que dá um show de carinho, atenção e auxílio personalizado em cada aula. Gostei muito.

A Dançarte fica na Casa de Portugal e funciona de terça a sábado. Informações na secretaria do clube ou pelo telefone: (21) 9833-5618.

Comente!

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.